terça-feira, 14 de junho de 2016

Resistência à Insulina e Diabetes


Nesse post vamos analisar a relação entre a resistência à insulina e o diabetes.

Antes de mais nada: O que é DIABETES?


A Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia – SBEM (http://www.endocrino.org.br/o-que-e-diabetes/) explica que:

Diabetes Mellitus é uma doença caracterizada pela elevação da glicose no sangue (hiperglicemia). Pode ocorrer devido a defeitos na secreção ou na ação do hormônio insulina, que é produzido no pâncreas, pelas chamadas células beta.

RESISTÊNCIA À INSULINA – Como funciona?


Dando sequência ao post anterior, vamos começar a entender como desenvolvemos resistência à insulina.

Os textos citados a seguir foram extraídos do livro The Obesity Code: Unlocking the Secrets of Weight Loss, do Dr. Jason Fung (https://www.amazon.com.br/Obesity-Code-Unlocking-Secrets-Weight-ebook/dp/B01C6D0LCK/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1465755676&sr=8-1&keywords=obesity+code).


Como desenvolvemos resistência à insulina?


O corpo humano é caracterizado pelo princípio biológico fundamental da homeostase. Se as coisas mudam numa direção, o corpo reage mudando na direção oposta para voltar, o mais próximo, ao seu estado original.

domingo, 12 de junho de 2016

INSULINA – O que é?


O que é insulina?

A insulina é um hormônio produzido pelas células beta do pâncreas:



O Pâncreas

No fim do século dezenove, na Alemanha, o estudante de medicina Paul Langerhans estudava lâminas contendo cortes de tecidos pancreáticos ao microscópio e verificou uma profusão de grupos de células pancreáticas circundadas por vasos sanguíneos. Esses agrupamentos, que mais tarde receberam o nome de ilhotas de Langerhans (ou ilhotas pancreáticas), são os locais de produção de dois hormônios, insulina (do latim, insula = ilha) e glucagon.

EU TENHO RESISTÊNCIA À INSULINA. Mas o que é isso?


Para começarmos a entender o que é a resistência à insulina, vou reproduzir aqui alguns trechos de um texto do Dr. Drauzio Varella (http://drauziovarella.com.br/diabetes/frutose-%E2%80%93-o-doce-vilao-ii/):



(...) O termo [resistência à insulina] é empregado para definir uma situação na qual a insulina

quinta-feira, 9 de junho de 2016

O novo paradigma da resistência à insulina

A New Paradigm of Insulin Resistance – T2D 13
by Jason Fung



O nosso paradigma atual da resistência à insulina é o de uma chave e fechadura. A insulina é um hormônio que atua sobre um receptor hormonal em uma superfície de célula, com a finalidade de obter um efeito.




MINHA HISTÓRIA


Atualização em agosto/2017

Em 2015 eu vi minha saúde indo para o “fundo do poço”. Tinha enxaqueca, dores de cabeça 3 a 4 vezes por semana. Em alguns dias eu tomava 1, 2, 3 analgésicos e a dor não cessava. A pressão arterial estava sempre alta – mesmo tomando medicamento pela manhã e pela noite, parecia que não era suficiente para mantê-la sob controle. Tomava metformina (Glifage) para manter a glicose e a insulina sob controle. Não fazia nenhum tipo de atividade física por causa das constantes dores de cabeça. E sentia-me cansada o tempo todo, com dores pelo corpo e dificuldades para dormir.

domingo, 5 de junho de 2016

SOBRE ESSE BLOG



E este blog não tem a pretensão de fornecer orientações médicas e/ou nutricionais.

Eu descobri, há algum tempo, que tem resistência à insulina (e, consequentemente, Síndrome Metabólica).

Na época do diagnóstico eu não sabia exatamente o que isso significava, tampouco conhecia as implicações e todos os problemas de saúde relacionados a isso. Mas quando a minha saúde começou a ficar seriamente comprometida, eu decidi ler, estudar e aprender mais sobre os problemas que eu tinha. Hoje sou estudante de NUTRIÇÃO.  :)

Depois que eu entendi o que estava acontecendo com o meu corpo, aprendi o que eu precisava fazer para recuperar minha saúde. E passei a colocar em prática. Os resultados vocês podem ver no post sobre “a minha história”.

O melhor de tudo é que tudo que a gente precisa está bem ao nosso alcance, na natureza. Na maioria das vezes, não precisamos de remédios. Só precisamos restaurar bons hábitos na nossa vida.



Eu sempre digo que “o nosso corpo é uma maquininha perfeitinha! A gente é que estraga porque não sabe usar direito!” Quando você começa a abastecer seu corpo com aquilo que ele realmente precisa para funcionar bem, as coisas começam a voltar para os eixos. Foi isso que eu aprendi. O que você come pode te deixar doente. Da mesma forma que pode te curar.

O objetivo desse blog é contar minha história e compartilhar parte dessas informações valiosas que eu aprendi e ainda estou aprendendo ao longo da minha jornada em busca da recuperação da minha saúde.

É bom esclarecer que esse blog não é sobre “dieta paleo” ou “low carb” (embora eu siga a alimentação paleo low carb e traga textos sobre o assunto).

Na verdade, esse blog não é para qualquer pessoa, é voltado para as pessoas que, assim como eu, sofrem do distúrbio metabólico conhecido como resistência à insulina. Talvez você nem saiba que tem um problema como esse. Na verdade, a maioria das pessoas que têm resistência à insulina não sabem que tem. E não sabem quais as implicações disso em suas vidas. Mas sabem que estão acima do peso, que têm dificuldades para emagrecer e/ou manter o peso, muitas vezes têm Síndrome dos Ovários Policísticos (no caso das mulheres), pressão arterial elevada, etc.

Se você se identifica com essas coisas, é bem provável que você tenha resistência à insulina. Neste caso, você pode aprender, como eu aprendi, qual a melhor forma de lidar com esse problema e desfrutar dos benefícios que decorrem da sua melhora.

Registro que as informações que aqui apresento foram extraídas de textos, livros e sites de especialistas no assunto e eu sempre cito a fonte (e coloco o link pra quem quiser conferir). Nada saiu da minha cabeça. Como eu disse, não sou médica, nem nutricionista. Mas acompanho o trabalho, as pesquisas e publicações daqueles que eu considero os melhores especialistas da área.

Espero que este blog possa ser útil de alguma forma pra você. 



Esse assunto é novo pra você? Comece aqui.


Para ficar por dentro das atualizações,
CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK:
PARTICIPE DO NOSSO GRUPO NO FACEBOOK:
E SE INSCREVA NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE: